Faces do Medo – “O Lobisomem” (1941)

    0

    Link para os textos do especial:

    http://www.devotudoaocinema.com.br/p/faces-do-medo.html

    O Lobisomem (The Wolf Man – 1941)

    O filme dirigido por George Waggner tem uma importância tremenda,
    já que moldou muitas das particularidades que o personagem viria a apresentar
    nos esforços seguintes. A interpretação de Lon Chaney Jr., com a ajuda
    impecável do maquiador Jack Pierce, definiu para toda uma geração o conceito da
    licantropia, incluindo a ideia da clássica transformação nas noites de lua
    cheia, a infecção pela mordida e a periculosidade fatal da prata. Elementos
    criados pelo roteirista Curt Siodmak, que muitos acreditavam equivocadamente
    que havia se inspirado em lendas ciganas, copiados à exaustão até hoje.

    O aspecto mais interessante é que, diferente de todos os filmes
    de terror do estúdio na época, o inteligente roteiro levanta suspeitas sobre a
    real existência do monstro, fazendo com que cada personagem possa encontrar
    explicações racionais ou metafóricas para todos os acontecimentos, sem que haja
    a necessidade de se recorrer aos elementos sobrenaturais. Isso eleva a
    qualidade do projeto e o torna mais atraente em revisões. Fica claro que o
    problema do protagonista também é psicológico, algo que já é estabelecido na
    definição inicial da licantropia, nos créditos iniciais, como uma doença da
    mente, sendo reforçada ainda a palavra “lenda” em maiúsculas. Assistindo o
    filme por esse viés, a tragédia do personagem é ainda mais forte, mostrando o
    malefício da crença exagerada em superstições.

    O personagem do padre, num esperto toque do roteiro, chega a
    afirmar que a luta contra a superstição é tão árdua quanto lutar contra satã. E,
    basta pensar que esse tema foi trabalhado com tanta coragem em 1941, enquanto
    hoje em dia ainda vivemos numa sociedade onde é comum o “exorcismo” de pessoas
    no neopentecostalismo, quando na realidade se trata apenas de, na pior das
    hipóteses, malandragem ou problemas psicológicos, para compreender que a obra
    vai muito além do usual entretenimento no gênero.

    * O filme está sendo lançado pela distribuidora “Classicline”.

    RECOMENDAMOS


    Octavio Caruso
    Viva você também este sonho...

    DEIXE UMA RESPOSTA

    Please enter your comment!
    Please enter your name here