Crítica do documentário “Onde Está Você, João Gilberto?”, de Georges Gachot

0

Onde Está Você, João Gilberto? (Where Are You, João Gilberto? – 2018)

O documentário aborda a mística por trás do livro “Ho-ba-la-la”, do jornalista e escritor alemão Marc Fischer. Nele, o autor fala de sua compulsiva procura pelo músico brasileiro João Gilberto. O criador da Bossa Nova e um mito moderno da música popular, Gilberto não apareceu em público por décadas. Marc desejava encontrar o ídolo e pedir para que ele cantasse a canção do título. A empreitada foi um fracasso, mas deu origem a um livro bem bacana. E, pouco tempo antes do lançamento, o autor cometeu suicídio.

É difícil entender os equívocos cometidos na estrutura deste documentário, o material original é interessante, tem algo de fábula, o conceito me remeteu inicialmente ao excelente “Procurando Sugar Man”, mas a execução é praticamente insuportável. Os primeiros quarenta minutos, com o diretor narrando trechos do livro emoldurados por cenários cariocas, parecem pensados para expulsar o espectador da sala de cinema.

O tom é exageradamente reverente, algo que piora quando finalmente o coração do projeto começa a pulsar, somos conduzidos a sequências de entrevistas com as mesmas figuras procuradas pelo autor alemão na preparação do livro, nomes como Miúcha, Roberto Menescal, João Donato e até o barbeiro que atendia na casa do músico. Mas o conteúdo que sobreviveu na edição é cheio de clichês, irritantemente redundante, não há informação instigante para interessados e, principalmente, nada relevante para os fãs de João Gilberto.

A questão que fica ao final da sessão é: qual a função deste registro audiovisual? Se não complementa em nada o livro, soa apenas como uma egotrip de seu realizador.

Cotação: download - Crítica do documentário "Onde Está Você, João Gilberto?", de Georges Gachot

Octavio Caruso
Viva você também este sonho...

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here