Nicolas Roeg, diretor de “Inverno de Sangue em Veneza”, morre aos 90 anos

0

Morreu na última sexta-feira (23), aos 90 anos, o diretor Nicolas Roeg. O diretor faleceu em sua residência, em Londres, cercado por sua esposa e parte de seus seis filhos.

O diretor nasceu em Londres, em 1928. Ele começou sua carreira no cinema como operador de câmera em 1947, participando da produção de filmes como Tarzan e O Julgamento de Oscar Wilde. Seu primeiro trabalho em cinematografia foi no filme Lawrence da Arábia (1962).

Roeg foi creditado como diretor de cinematografia de diversos clássicos desse período, como Farenheit 451, Petulia e Doutor Jivago.

O diretor alcançou fama internacional em 1976 com o lançamento do filme O Homem Que Caiu Na Terra, protagonizado por David Bowie. No Brasil, o diretor foi mais conhecido por seu trabalho em Convenção das Bruxas (1990), baseado em um história infantil de Roald Dahl e protagonizado por Anjelica Houston. O seu melhor trabalho é o clássico do terror: “Inverno de Sangue em Veneza”.

O último trabalho de Nicolas Roeg como diretor foi o filme “Puffball”, lançado em 2007.

A causa da morte do diretor ainda não foi revelada.

Que seu legado siga inspirando as novas gerações. Que nunca nos esqueçamos…

RECOMENDAMOS


Octavio Caruso
Viva você também este sonho...

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here