Triste dia para os cinéfilos, morreu Stanley Donen, diretor de “Cantando na Chuva”

1

Stanley Donen, diretor conhecido por filmes como “Cantando na Chuva” (1952) e “Cinderela em Paris” (1957), morreu aos 94 anos. Não há informações sobre a causa da morte.

Donen começou a carreira de diretor em 1949, com “Um Dia em Nova York”. Desde então emplacou vários longas em Hollywood, como “Núpcias Reais” (com Fred Astaire), “O Melhor é Casar” (1952); “Cantando na Chuva” (1952) em que dividiu a direção com o protagonista Gene Kelly; “Sete Noivas Para Sete Irmãos” (1954), “Um Pijama Para Dois” (1957); “O Beijo da Despedida” (1957); “Charada” (1963) e “Cinderela em Paris”, ambos protagonizados por Audrey Hepburn, entre outros.

Além de diretor, Stanley Donen era coreógrafo e recebeu um Oscar honorário em 1998 pelo conjunto da carreira. Um momento lindo que compartilho abaixo:

Que seu legado artístico siga inspirando as novas gerações. Que nunca nos esqueçamos…

RECOMENDAMOS


Octavio Caruso
Viva você também este sonho...

1 COMENTÁRIO

  1. Um dos grande diretores dos anos 50 e 60. Criador de clássicos como: Um Dia em Nova Iorque, Núpcias Reais, Cantando na Chuva, Sete Noivas para Sete Irmãos, Um Pijama para Dois, Cinderela em Paris, Charada, Arabesque dentre tantos outros.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here