A Guerra do Repolho (Mrs Caldicot’s Cabbage War – 2000)

A viúva Thelma Caldicot (Pauline Collins) é levada coagida a uma casa de repouso por seu filho e nora manipuladores após o falecimento de seu marido. A apatia se transforma em raiva e então em ação quando o medicamento é descartado, Thelma descobre sua coragem. Ela e seus companheiros idosos encenam uma rebelião, mas o resultado é algo que ninguém imaginou.

O filme é adaptado do livro do veterano médico inglês Vernon Coleman (procure seus vídeos na plataforma BrandNewTube), uma das vozes mais importantes na atual luta pela verdade no mundo, um corajoso profissional que expõe há décadas a máfia da indústria farmacêutica, logo, perseguido e difamado, basta uma olhadela em sua página na Wikipédia para ver como o sistema se incomoda bastante com sua atitude.

“A Guerra do Repolho” é uma comédia plena em coração que provoca importantes e sérias reflexões sobre o tratamento médico dado aos idosos, todo acordado que assistir vai estabelecer relação com as eutanásias forçadas com auxílio de anestésico nos asilos e compreender perfeitamente porque é uma obra que parece ter sido atirada num limbo, já foi disponibilizada algumas vezes na internet, mas sempre é excluída.

Pauline Collins, que é usualmente lembrada pelo público como a “Shirley Valentine”, torna o investimento emocional algo fácil com seu transbordante carisma, até porque o espírito desbravador que possibilita sua transformação mental carrega muito do que alimentou a já citada personagem.

Uma trama inspiradora que deveria ser mostrada para crianças e adolescentes, discutida em casa após a sessão, para que jamais releguem no futuro seus familiares idosos aos cuidados de uma indústria que, em essência, lucra com a administração da doença.

  • O filme não foi lançado no Brasil em VHS, nem DVD, também não está em plataformas de streaming, mas você encontra garimpando na internet.

RECOMENDAMOS



Viva você também este sonho...

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui