Slashers – “Noite do Terror”, “Natal Sangrento”, “O Terror da Serra Elétrica” e “Violência e Terror”

0

Noite do Terror (Black Christmas – 1974)

Durante o feriado de Natal, estudantes de uma fraternidade feminina são caçadas por um psicopata. Dirigido pelo talentoso Bob Clark, este excelente cult-movie canadense é considerado um dos primeiros slashers do cinema.

Extremamente cultuado pelos fãs do subgênero, o canadense “Noite do Terror” se mostrou ainda eficiente nesta revisão. O diretor Bob Clark, mais conhecido pela comédia adolescente “Porky’s – A Casa do Amor e do Riso” e o ótimo suspense sherlockiano “Assassinato por Decreto”, firmou sua assinatura nesta pérola precursora do slasher protagonizada por Olivia Hussey, seis anos depois de viver a Julieta de Zeffirelli, e Margot Kidder, quatro anos antes de se imortalizar como a Lois Lane do “Superman” de Richard Donner. O grande diferencial, algo que infelizmente se perdeu com a popularização do slasher durante a década de 80, que foi dominado por ameaças caricaturais, verdadeiras máquinas com motivações frágeis ou puramente tolas, é a figura enigmática de Billy, que abusa do terror psicológico, permitindo ao público projetar livremente os seus medos na tela. O conceito de esconder o mal favorece a empatia com as vítimas. E vale destacar outro ponto curioso que difere a obra de seus similares norte-americanos, não há senso de moralidade no horror, a heroína discursa a favor do aborto, algo bastante polêmico à época. É o melhor filme deste lançamento da Versátil.

MV5BMWIwNjVjNTEtZDFkZi00MjcxLWJlODgtYjY3ZjUyOTJkNjA1L2ltYWdlL2ltYWdlXkEyXkFqcGdeQXVyNTQ4ODA2NzQ@. V1  - Slashers - "Noite do Terror", "Natal Sangrento", "O Terror da Serra Elétrica" e "Violência e Terror"

Natal Sangrento (Silent Night, Deadly Night – 1984)

Após testemunhar o assassinato dos pais no Natal, adolescente fica traumatizado e ainda sofre abusos no orfanato. Quando adulto, ele se torna um Papai Noel assassino no Natal. Um dos mais infames e polêmicos slashers dos anos 80.

Um dos melhores filmes da safra lançada no auge do subgênero, dirigido pelo pouco expressivo Charles E. Sellier Jr., “Natal Sangrento” foi atacado de todas as formas em sua estreia por seu abraço apertado no politicamente incorreto, desconstruindo a festa mais importante dos cristãos, colocando um machado nas mãos de um louco vestido de Papai Noel. Os conservadores ultrajados perseguiram a obra, que ficou pouquíssimo tempo em cartaz e ressuscitou no mercado de VHS, ganhando muito mais destaque do que teria naturalmente, já que não há nada que atice mais a curiosidade do que um gesto de censura. São várias cenas marcantes, destaco o momento em que um policial acaba cometendo um equívoco trágico, sequência que consegue ofender, na mesma medida, os cristãos e os deficientes auditivos. É aquele tipo de filme que, infelizmente, jamais seria sequer cogitado nos dias de hoje.

maxresdefault - Slashers - "Noite do Terror", "Natal Sangrento", "O Terror da Serra Elétrica" e "Violência e Terror"

O Terror da Serra Elétrica (Pieces/Mil Gritos Tiene la Noche – 1982)

Num campus, estudantes estão sendo desmembradas por um misterioso assassino, que tenta montar um quebra-cabeça humano feito de partes de corpos. Clássico exploitation que mistura slasher e giallo com doses cavalares de sangue.

Este é o fruto possível do encontro entre o especialista do exploitation italiano Joe D’Amato, o controverso diretor espanhol Juan Piquer Simón e produtores de filmes B norte-americanos, um show de escatologia, nudez gratuita, algumas pitadas de elementos dos gialli, em suma, tudo o que os fãs procuram. Altamente divertido, “O Terror da Serra Elétrica” é indicado para os já iniciados, já que, nesta versão sem cortes disponibilizada pela Versátil, pode chocar até mesmo os fãs casuais pela brutalidade de suas cenas. Eu adorava o alerta que vinha na capa do estojo VHS nacional: “Terminantemente proibido para crianças e pessoas com problemas cardíacos.”

pdvd 003 - Slashers - "Noite do Terror", "Natal Sangrento", "O Terror da Serra Elétrica" e "Violência e Terror"

Violência e Terror (Intruder – 1989)

Dentro de um supermercado, os funcionários do turno da noite são perseguidos e mortos por um misterioso maníaco. Ótimo slasher dos criadores de “Evil Dead” e com a participação de Sam Raimi e Bruce Campbell no elenco.

Apesar do péssimo título brasileiro, “Intruso” merece sua atenção especial por ter sido produzido pela turma de jovens responsáveis por “A Morte do Demônio”. A obra que faz milagre com baixíssimo orçamento conta com o diretor Scott Spiegel (que roteirizou “Uma Noite Alucinante”), Sam Raimi, seu irmão Ted e uma participação especial do canastrão mais adorado pelos fãs do horror, Bruce Campbell. O ritmo do primeiro ato é irregular, mas o filme melhora muito quando os ataques no supermercado começam, com destaque para o trabalho impecável dos craques de maquiagem, Howard Berger, Robert Kurtzman e Greg Nicotero.

b48262f8 4831 4d34 968a f5beadbf1c24 car 4x3 - Slashers - "Noite do Terror", "Natal Sangrento", "O Terror da Serra Elétrica" e "Violência e Terror"

Adquira o DVD lançado pela distribuidora Versátil:

https://www.versatilhv.com.br/produto/350103/slashers-vol-3-edicao-limitada-com-4-cards-digistack-com-2-dvds

RECOMENDAMOS


Octavio Caruso
Viva você também este sonho...

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here