Grisbi, Ouro Maldito (Touchez pas au Grisbi – 1954)

Um velho gângster planeja um último golpe antes de se aposentar, mas o mundo do crime não é mais o mesmo. 

As convenções do noir são trabalhadas neste ótimo filme, adaptado da obra de Albert Simonin, como veículo para retratar alegoricamente a angústia da constatação da finitude, o inevitável declínio, e a tentativa de manter a dignidade estando inserido em um mar de lama.

Jean Gabin retornando à boa forma após algumas escolhas problemáticas, a jovem Jeanne Moreau começando a mostrar sua estrela anos antes de “Os Amantes”, o cinéfilo tem razões de sobra para dedicar atenção especial à este filmaço de Jacques Becker, vencendo o ritmo lento dos primeiros trinta minutos.

Uma pérola do polar, o noir francês, que não merece ficar esquecida nas prateleiras do tempo.

  • Você encontra o filme em DVD e, claro, garimpando na internet.

RECOMENDAMOS



Viva você também este sonho...

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui